quinta-feira, 13 de setembro de 2007

Obrigada , meu Amor...


Obrigada , meu Amor ...

Pelas horas , pelos sorrisos , pelos abraços perfeitos , pela vida que deste à minha vida ...

Pelo meu destino que mudaste , pela coragem de seres meu .

Obrigada , meu Amor ...

Pela doçura que nunca abandona o teu olhar no meu , pelo calor das tuas mãos , pelo riso e pela tua alma , tão minha .

Obrigada , meu Amor ...

Por me chamares tua menina , mas sempre me teres tratado como uma mulher .

Pelas lágrimas que não queres que corram e que beijas com suavidade ...

Obrigada, meu Amor ...

Pelo milagre que és para mim, pela coragem que o teu amor me concedeu , pelo futuro onde sei que estarás .

Obrigada , meu Amor ...

Pela magia de uma outra vida que me deixas experimentar quando estou ao teu lado , pelo mundo que juntos criamos , pelo tempo que sabemos parar .

Obrigada , meu Amor ...

Pelos teus olhos meigos , pela tua presença , existe em mim outra maneira de olhar ... o mar espelha um outro céu quando me abraças , o verde invade o horizonte como um poema , a brisa toca-nos gentilmente para não nos acordar deste sonho ... deste céu sem nuvens que somos nós , juntos .

Obrigada , meu Amor ...

Por me deixares partilhar a tua vida mesmo que seja tudo demasiado breve ... o tempo foge-nos sem piedade . E temos de perder um ao outro uma vez mais... Perder o toque , o olhar , o abraço permanente . Mas o Amor , o tempo não poderá jamais tocar .

Obrigada, meu Amor ...

Nunca esquecerei ... Obrigada pelos dias felizes, pelas noites ... Por uma viagem onde a realidade fomos Nós, só Nós ... E onde cada gesto teu foi planeado para cada sorriso meu ... Qualquer lugar contigo é perfeito , mas encontrar-te nos meus olhos ao acordar , num lugar que envolve a beleza do nosso Amor com perfeição , será para sempre a memória dos melhores dias da minha vida .

Sei que os dias de silêncios voltarão . Sei que o desespero de não te ter voltará . Mas é verdade , como te disse , a vida dá muitas voltas . Nem sempre as que queremos , mas por vezes ... Por vezes , a esperança mais impossivel desenha-se perante nós como uma linda realidade .

Obrigada , meu Amor ...

Pelas horas de puro fascinio , pelos dias no paraiso ( tu entendes... ) , por seres um homem tão belo que não teme ser um menino nos meus braços .

Obrigada , meu Amor ...

Pela luz , pela esperança , por me amares da maneira certa . Por me fazeres perceber o eterno ... Por saber que agora vivo , agora que te tenho dentro de mim ... Pela entrega plena de tudo o que mais importa na vida ... Eu tenho o teu Amor . Eu tenho tudo .

Obrigada , meu Amor ...

Agora eu sei o que é Amar ...



Até já , meu Amor ...

4 comentários:

Daniel Aladiah disse...

Um autêntico fascínio...
Um beijo
Daniel

Paula disse...

Querida Paula,

É com uma enorme alegria que te vejo regressar.

Amiga, não preciso perguntar nada, nem precisas dizer-me mais nada, pois a felicidade que transpões neste pequeno ecrã é, simplesmente, fantástica e esclarecedora.

Linda, estou feliz por ti e pelo M. Vejo que nada podia ser diferente do que foi; percebo que tudo foi planeado para ti; percebo que voltam ainda mais felizes e com mais certezas do que quando partiram.

Assim o esperava, assim o desejava e, felizmente, assim aconteceu.

Jinhos do tamanho do mundo, repleto de saudades.

Paula

P.S. Não estranhes se entrares no meu canto. É novo e não tem qualquer referência aos anteriores

Amaral disse...

Acho que este texto é um verdadeiro hino ao Amor!
Não precisa de mais uma palavra!
Tem o som do sentimento cantado no ritmo certo!
Tem a alma, em serena alegria, a lançar foguetes de amor...
Cada palavra é um toque único no coração de quem lê!
Obrigado... por me dares o prazer de recordar!
E um aplauso imenso à tua alegria de viver!!!

simone disse...

Olá!!! Estava visitando uns blogs amigos e encontrei o seu!!! Adorei o texto!!!
Bjos no teu coração e bom domingo pra ti!!!