quinta-feira, 24 de julho de 2008

Como eu te amo...


Por vezes dou por mim a olhar-te , enquanto falas ou sorris , enquanto conduzes e pegas na minha mão , e penso : "Como eu amo este homem ... " . Não te digo nada, mas sei nesse instante , como sempre soube , que estou perante o meu grande e definitivo Amor .
Essa sensação já me assustou mas hoje é tão límpida que sei que nunca poderei lutar contra um facto tão evidente .

Meu Amor , tu és o momento da minha vida que nunca julguei real . Porque nunca julguei que o Amor pudesse ser um acto de entrega tão profundo, tão cúmplice e perfeito.

Tu chegaste talvez no momento da minha vida em que eu te saberia amar . Muitas vezes desejaria ter-te conhecido mais cedo . Mas mais cedo talvez não existisse em mim a capacidade de ver , de sentir , de passar limites por alguém e por mim.

Entendo hoje que reordenaste a minha vida , os meus sonhos , o meu tempo . Deste-me muito de ti , mais do que talvez tenhas dado a qualquer outra pessoa nesta vida . Chegares até mim foi para ti a concretização de uma longa espera e hoje apenas há lugar para a certeza de que nos pertencemos . Entendo que o meu tempo e a minha vida deixaram de ser meus , para serem nossos , para se misturarem com a tua própria vida e o teu tempo . E é para esses momentos nossos que vivo , é por eles que espero enquanto os dias passam e o compromisso diário de viver aqui , sem ti , se repete .

Hoje eu já não vivo aqui . Sobrevivo um dia após o outro , sabendo com uma clareza assustadora que a minha vida , só a sinto quando estás . Quando a luz da tua presença é tudo , quando me acaricias, quando a tua mão pega na minha e sorris , quando a maciez dos teus lábios toca os meus , quando me abraças e o teu corpo é meu numa comunhão de Amor e desejo. Ou até quando me falas no fim do dia durante uma ou duas horas e te sinto como se estivesses aqui ao meu lado , no meu quarto e eu pudesse deitar a minha cabeça no teu peito e adormecer assim, nos teus braços .

A nossa existência juntos tem sido feita de emoções pouco comuns . Tem sido um encontro perfeito dentro de uma realidade imperfeita . Mas o Amor que sentimos tem tido a capacidade de passar por todas as lágrimas , pela ausência e pelo silêncio de não estares , de eu não estar ao teu lado . É essa a capacidade gloriosa do nosso Amor e relembro que nos momentos difíceis , a tua dignidade e doçura nunca me deixaram só, as tuas palavras e gestos sempre me mostraram como um homem ama uma mulher e como todas as mulheres deveriam ser amadas . Porque a maneira como me amas é feita de tantas pequenas e grandes coisas , muitas inexplicáveis.

O que me vem de ti não é a tristeza de estarmos separados, não é o caminho difícil que o nosso Amor percorre . O que me vem de ti é um Amor imperdivel , uma adoração que me coloca muito acima , onde eu acho por vezes, que a minha imperfeição não merece estar . O que me vem de ti é o desaparecer de todas as angustias quando és vida em mim , meu Amor .

Não sei quantas mais vezes irei pôr a minha esperança em causa para em seguida encontrar a esperança nos teus olhos . Não sei , meu Amor ... Sei que muitas vezes , tu tens sido a minha força . Que nunca largaste verdadeiramente a minha mão e que em todos os momentos que o teu coração implorou para que eu ficasse , já antes o meu , tinha decidido ficar . Tenho medo dos sonhos que se podem desfazer mas simultaneamente tenho perfeita consciência de que este sentimento que partilhamos não será atingido por nada .

Não sei como se cumprirá o futuro, mas sei que nunca mais deixarás de existir na minha vida .

Quero estar nos teus braços , quero ser aquela a quem tu chamas "minha mulher" , porque sei que o sou , porque compreendo que é assim que me vês e o compromisso que temos tem essa seriedade e esse destino .

Tu e eu , meu Amor , criamos uma realidade nova , um mundo mágico e sereno , nosso . E é aí que a nossa vida se revela , que todos os sonhos são possíveis , que cresce para nós um Amor tão certo e belo.
Talvez um dia , neste mundo de compromissos diários , de responsabilidades , de impossibilidades , possamos num gesto de coragem e fé trazer à luz a verdade . Ou não . Talvez o nosso Amor permaneça um segredo e pela sua força e essência , consiga viver entre todas as tempestades ou desertos .

Dizem que estas histórias têm um fim inevitável , anunciado . Mas é mentira. Nunca poderei explicar porque tenho tanta certeza que é mentira, mas sei que é . Porque o nosso final anunciado é outro . Como poderão duas pessoas que se amam de uma maneira quase sobrenatural não permanecer juntas ? Isso seria como roubar a existência a ambos .

Na verdade, tu plantaste vida onde antes o deserto se instalava , meu Amor ... Como poderia eu não te amar , se amar-te foi o acto mais natural e certo da minha vida ...

Até já , meu Amor ...

27 comentários:

Mar disse...

Só te posso dizer...obrigada. Tudo o que quero dizer dizes tu, tudo o que sinto tu escreves, tudo o que rebenta dentro do meu peito está vertido nas tuas palavras... as vidas e as pessoas são diferentes, mas o sentimento é o mesmo. A angustia. A força. A coragem. O amor...

Cássia disse...

"Por vezes dou por mim a olhar-te , enquanto falas ou sorris , enquanto conduzes e pegas na minha mão , e penso : "Como eu amo este homem ... " "

Minha querida Paula, são tantas e tantas vezes que penso o mesmo.

"Dizem que estas histórias têm um fim inevitável , anunciado . Mas é mentira."

Também não sei explicar, mas também tenho a certeza absoluta que é mentira. O amor verdadeiro, aquele amor puro vence sempre minha amiga. Por mais espinhos que tenha o nosso caminho no final as rosas esperam-nos, e com o seu perfume felicitam-nos por termos vencido os espinhos:)
Beijinhos

Daniela disse...

olá, de blog em blog, encontrei este teu cantinho...
e estou a gostar muito de ler o teus textos.. são profundos, cheios de sentimento.. parabéns!

prometo voltar mais vezes..

beijinho

Ninita de Sempre disse...

"Dizem que estas histórias têm um fim inevitável , anunciado . Mas é mentira."

É mesmo mentira e continua a acreditar que o é...Fazem-nos acreditar que é verdade apenas para desistirmos de nos magoar mas isso não acontece sempre!Beijinho

flamenguista roxo disse...

PAULINHA...beijos.
Lindo o texto ah se eu tivesse uma mulher que me amasse assim como você ama esse cara.
A colocaria num pedestal.
Primeiro DEUS depois ela.
Um beijo e obrigado pela ajuda no meu blog meu anjo.

Anónimo disse...

É preciso acreditar... tudo vai correr bem convosco porque o vosso amor assim merece.
Adoro ler-te.

Beijinho
lagrimatua

Fátima disse...

Olá Paula!!!
Um grande amor nao acaba nunca, por muitas lágrimas e maus momentos, que ele tenha de passar, quando ele é realmente verdadeiro dura para lá da eternidade........
Sei do que falo por experiência, o meu já passou um pouco de tudo e sobreviveu a todas as intemperies, tu sabes......
Que Deus permita que esse teu, amor tao lindo e sincero como tu o descreves, possa durar para todo o sempre, para que possas continuar a ter os teus melhores momentos de felicidade!!!!
Quero pedir-te que divulgues uma noticias que descrevo no meu ultimo post, é importante, para que a uniao faça a força e uma familia possa viver de uma forma digna....


Deixo-te um beijo e um desejo de continuar a ver aqui a tua linda história de amor forte como sempre:).

Reticências disse...

Quanto mais profundas são as tuas palavras a descrever este Amor, mais dificuldade eu tenho em deixar algum comentário.

As tua escrita é sublime a descrever o que sentes, mas o mais sublime de tudo é mesmo a forma como vives esse sentimento. Tenho a certeza que há poucas pessoas a amar com tanta generosidade, tanta entrega...

1 beijo muito grande
e que sejas muito feliz : )

[ Sonia ] disse...

Que lindo é quando o nosso coração se alia à nossa alma e dizem coisas tão belas como estas.

Uma lágrima se soltou no caminho da tua escrita.

Som do Silêncio disse...

Olá Paula!

Mais um desabafo teu, repleto de amor e ternura.
É impossível alguém ficar indiferente...não acredito em tal!
Vive esse amor, continua a acreditar sim, eu também acredito!

Bjs,
Som

Lis disse...

Blog apaixonante :$ beijo ***

Cris disse...

Olá!
Cheguei até ti através da Crisálida e já te venho a ler há algum tempo.
Há alguns meses atrás talvez não compreendesse a beleza das tuas palavras... ou talvez não me emocionasse tanto com elas.
A verdade é que o amor é algo que conheço há pouco tempo e por isso o conhecimento que adquiri dele faz-me entender a força do teu.
Desejo que corra tudo bem e que todos os teus sonhos um dia se tornem realidade!
Bjocas doces...
Cris

Black Kittie disse...

Olá

Um grande amor resiste a tudo :
ao tempo...a saudade...a distância...
Porque se alimenta da alma...
Porque muitas regras existem para serem quebradas.
Porque o coração manda em nós na maior parte dos momentos da vida...e ainda bem...


MIl beijits

Crisálida disse...

Paulinha,
Eu nunca pensei que o meu fim fosse o anunciado. Acreditava no amor que eu vivia tal qual tu, tu sabes... No entanto o anunciado veio...
Já nem me atrevo mais a sentir a dor, porque preciso sobreviver, mas digo-te que agora torço duas vezes pelo teu amor. Mas a vida é perfeita... E já me trouxe um novo amor, nascente, mas lindo, doce, terno. Amou-me platonicamente por 4 anos, e agora a vida resolveu dar uma chance a nós... E dessa vez sou a única.
Um beijo minha linda, tu nem imaginas como te admiro e gosto de ti.

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Paula, mais um texto cheio de amor e carinho, que Deus te acompanhe nesta caminhada da tua vida.
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

Putty Cat disse...

Eh pá...

Paula, nem sei o que te dizer. Palavra que não!


Deixo-te o meu beijo rendido a esse sentimento.

Putty

Wolf disse...

avassalador....

derreto-me todo a sentir o que tu sentes....

lindooooo


kiss kiss

Catarina disse...

já li muito... de amor...
mas este teu texto deixou-me arrepiada. caí aqui de paraquedas e ainda bem.
O Amor mora aqui...
Por isso é bom aqui estar :)
Para amar assim tens razão chegou na hora certa .
bom conhecer o teu espaço Paula, Parabéns.

Fátima disse...

Olá Paula!!
Passei para te deixar os votos sinceros de um fim de semana repleto de coisas boas......e um beijo carregado de carinho:)!

juliana disse...

esse texto e profundo e sincero, com flui o meu sentimento por uma separação inevitavel da vida!!!!

Verdinha disse...

espero k esteja tudo bem e k a felicidade reine por ai :P

Fátima disse...

Olá Paula!!!
Hoje o "Vivências" está de parabens, tenho o enorme prazer em convidar-te a uma fatia de bolo.
Esta festa tambem é tua, é aos amigos que devo este ano de permanencia nesta grande comunidade.

Deixo-te um beijo e um desejo de que nao faltes a minha festa:)!!

flamenguista roxo disse...

Paulinha...meu DEUS!!!!!!
ESSE CARA É UM SORTUDO EU QUERIA QUE ALGUÉM ESCREVESSE ASSIM PARA MIM...LINDO TEXTO!!!!!!
BOA SEMANA E PAZ DE CRISTO E QUE VOCÊS FIQUEM BEM JUNTINHOS.

Lobo Solitário disse...

Intenso e sentido se um dia estiver esgotado de palavras, emprestas-me as tuas?
Beijo Longo.

JustMe disse...

Meu Deus...
Como é possivel ler sem cair uma lagrima...
Como é possivel ler sem ficar encantado pelo que escreves e como escreves...

O amor faz destas coisas...
Te siento y siento

bjs...
JustMe

Anónimo disse...

Querida cada palavrinha que vc escreveu parece ter sido escrita pra mim!!!Amei demais!Seja feliz com seu lindo...vc merece o céu estrelado!!! bjus

ponto final disse...

Realmente é fascinante, como nos faz tremendamente felizes, pararmos e olharmos, nem que seja apenas por um segundo, para quem ama-mos. De como apenas um gesto dele(a) pinta o nosso dia na mais bonita cor existente.

Na minha opinião, aquilo em que acreditamos vivamente e inteiramente, nunca acaba!!

As tuas palavras tocam-me. E em certos paragrafos revejo-me.