quinta-feira, 17 de abril de 2008

Vives em mim...



"Sofrimento é o afastamento de um segundo da tua vida na minha vida."
( Desconheço o autor )

Meu amor, refugiu-me aqui para te falar . Porque o amor tantas vezes se refugia nas palavras . E o nosso , especialmente o nosso , tem tido sempre o seu lugar de paz e de verdade nas palavras ditas e escritas .
Por isso , venho até aqui como tantas outras vezes . Enquanto lá fora a noite se fecha numa chuva tempestuosa , procuro o meu refugio, o meu lugar secreto , procuro-te com carinho , com um sorriso quieto e sem voz .
Ouves-me , meu Amor ? Procuras-me também ? Inúteis perguntas , porque a verdade nunca faltou entre nós . E entre nós , sempre soubemos tudo o que sentimos , onde estamos e o quanto amamos neste caminho tortuoso , mas onde os nossos passos têm sido firmes e sempre em direcção um ao outro .

Tenho descrito muita da nossa história aqui . Alguns factos e acima de tudo sentimentos. Mostrei quase a medo , uma relação talvez socialmente condenável e esperei criticas . É fácil julgar , apontar o dedo , generalizar, dizer que tu e eu somos errados . Também seria fácil dizer : " Coitada , está a iludir-se e ele a aproveitar " . Ninguém o disse , talvez o tenham pensado .

Mas quem deixou as suas palavras , acreditou no nosso amor maior que todas as impossibilidades e em silêncio sempre me senti grata a essas pessoas . Hoje não silencio e agradeço-lhes . Também tu reconheceste muitas vezes a sensibilidade de quem comenta por isso , julgo que o agradecimento a elas é teu e meu .

Cada caso é um caso . Frase banal , mas pura verdade . Nada entre nós foi vulgar . A maneira como nos conhecemos e apaixonamos foi talvez uma imposição do destino. Quantos caminhos a nossa solidão percorreu para chegarmos a Nós ? Quantas vezes a nossa fé foi abalada e nos questionamos ?

Talvez seja fácil pensar que uma história entre um homem casado e outra mulher é vulgar e tem sempre fins pouco românticos . Talvez seja fácil apontar o dedo . Eu também já o fiz tantas vezes , porque não admiti-lo ?

Hoje entendo melhor e apesar de continuar a achar que muitas dessas histórias têm motivações muito distantes do amor , sei que existem outras diferentes , feitas de algo mais fundo do que pode explicar a razão .

Nós somos diferentes . Nós encontramos a surpresa de amar acima de tudo e todos . Mas é mais do que isso . O nosso encontro fez-se de uma comunhão de almas .

Lutei contra este sentimento ? Acho que não . Acho que o deixei crescer porque dentro de mim , nada podia ser mais certo que amar-te . Não podia escolher viver numa guerra contra mim própria , meu Amor .

Eu apaixonei-me antes de te olhar , tal como tu . Quem acreditará nisto ? Na pureza de um amor que nasce de palavras , sem qualquer referência física ? Talvez apenas nós , que nos procurávamos . Quando li : " Perdoa-me , meu Amor , acho que te amo ... " o meu coração parou e tudo o que fui e sou nesta vida passou a fazer sentido . E eu já te amava tanto .

Somos diferentes . O carácter do nosso amor é diferente . Existe um fim desejado , anunciado talvez a medo , mas firme . Não sei como se concretizará ou se será concretizado algum dia . Sei que o desejas tanto quanto eu e se te fosse dada opção , estarias hoje mesmo comigo e para sempre .

Sei que o nosso amor é improvável para os descrentes, para os maldosos , para gente vulgar . Mas é um milagre tão raro conhecer outra pessoa como a nós próprios e poder amá-la cada dia mais . É um milagre sentir que alguém nos completa tanto que se o perdermos , a vida perde-se e nunca mais será vida .
Mas tu falas em esperança e eu contraponho com a realidade . Pedes para viver um dia de cada vez e eu sei que tens razão . Mas o que a minha voz te diz é que todos os dias são difíceis longe de ti . Ainda assim, temos sido correctos , meu Amor . Pode parecer estranho perante os outros dizê-lo , mas temos respeitado a tua vida , quem vive ao teu lado . Não posso considerar que traímos algo que já não existia .

Um casamento acabado pode parecer " conversa de homem casado ". Mas no teu caso , sei da verdade nunca omitida . Sei da vida que tiveste , sei do amor que merecias e sentes que não tiveste . E no entanto, sei que amas essa mulher com um amor que só podia vir de ti , feito de amizade , de respeito e até de pena, por mais cruel que possa parecer . Mas sei que esse casamento existe apenas numa aparência socialmente correcta e num acto teu generoso e altruísta, empenhando a tua própria felicidade ( e a minha , infelizmente ) . Sei que comigo deixaste o teu coração, a tua alma e o teu corpo tão amado . Não poderia aceitar o contrário , porque isso sim , far-me-ia sentir indigna e destruidora da vida de alguém.

Sei que vives comigo . Que o teu casamento é o nosso , pela lei do Amor . Não estou enganada ao dizê-lo porque o nosso compromisso é esse mesmo . Voluntário , fiel e seguro .

Mas ainda assim , restam dúvidas . Estarei eu a destruir alguém ao permitir-me amar-te ?

Nunca sonhei com uma situação destas . Vivo-a porque não posso viver longe de ti . Dói-me o meu sofrimento , mas dói-me o teu também .

Não sei ser amante e viver bem com isso . Quantas vezes disseste que sou a tua mulher e me silenciei ? Muitas, meu Amor . Porque quero ser , mas não assim .

Quantas emoções vivi ao teu lado pela primeira vez ? Com a certeza plena de ser amada muito mais do que alguma vez fui . Amada por um homem que nunca sairá do meu lado , aconteça o que acontecer . Eu nunca duvidei , porque só nós sabemos da profundidade e inevitabilidade do nosso amor.

Hoje exponho-nos aqui porque desejo que ninguém te aponte e diga que estás num lugar confortável , fácil . Nessa estrada que segues , e que por vezes te afasta dos nossos sonhos , não há felicidade . Por isso , te dou a minha mão e te trago para os meus braços com infinita ternura . Onde és amado , muito amado ... Um dia , talvez findem as despedidas e possas ficar .

Até já, meu Amor ...


25 comentários:

Paula disse...

Uma coisa é certa... quando eles não têm coragem para decidir... deve significar alguma coisa.
O amor é sempre indubitavelmente algo de sublime. Então por que não há coragem para vivê-lo em pleno?
Os dois merecem!

lovegirl disse...

Eu acredito no vosso amor, e acredito que ele não está numa posição nada facil, eu não acredito, eu simplesmento sei-o porque tda esta história é me muito familar, também a vivo todos os dias, a mesma história mas apenas com personagens diferentes.

desejo-te todas as forças, e quando as minhas fugirem que fujam para ti, porque de vez em quando é dificil eu sei.

=(

bjbj*

lovegirl disse...

emendo, porque de vez em qaundo é ainda mais dificil, eu sei. beijinho

A disse...

O Amor verdadeiro não conhece o bem e o mal, o certo e o errado. As vezes acontece apenas num momento menos certo, que temos que transformar no correcto para o podermos viver. Não importa como, não importa quando, importa apenas que se viva, nem que seja por um só segundo, vale mesmo a pena. Só precisa dele mesmo para se alimentar o Amor, é por isso que é tão grande, tão imenso, ás vezes tão dificil... Mas nunca desistas...vale mais um segundo de felicidade, que uma vida cheia de nada.
Desculpa a intromissão...mas um Amor...vale tudo! Beijinho.

Cássia disse...

Minha querida Paula, eu acredito no vosso amor e acredito mais ainda que um dia vocês vão poder estar juntos e finalmente vão poder viver esse vosso amor puro e verdadeiro.
Eu acredito e tu também tens que acreditar.
Muita força minha querida não desistas da tua felicidade.
Beijos

Azul disse...

Boa Noite Querida Paula!

(perdoa-me a "ousadia" de te chamar assim, mas é assim que te vejo. Como uma pessoa muito Querida)

Desde que te leio que não duvidei por um momento que fosse do vosso amor. Desejo-vos de coração que um dia o possam viver em pleno.

Sabes Paula, tenho para mim que para algumas pessoas é mais fácil apontar o dedo, julgar do que tentar compreender, aceitar que, infelimente nem tudo na vida corre como desejariamos. Quantas vezes, por um valor muito mais alto para cada um de nós, não contrariamos aquilo que pensamos ser as nossas convicções?? Acredita. Sei o que te digo, e porque te digo.

Por isso, Paula. Vive esse amor da melhor que forma que te seja possível, sim... UM DIA DE CADA VEZ. Porque o amanhã... o amanhã pode não existir.

Um beijinho e um abraço de alguém que te compreende e respeita, muito mais do que possas imaginar.
Azul

Mário Jorge disse...

Meu lindo Amor
Só as almas muito nobres têm o dom de perceber a luz da pureza a brilhar oculta em situações que os comuns dos mortais à primeira vista podem entender serem aparentemente censuráveis. Dizem os espíritos superiores que os seres idênticos se atraem. Aqui nos teus comentadores se confirma essa regra de ouro. Porque é perfeitamente perceptível no breve ideário expresso o amor e o carinho que dos seus corações brota por ti, por nós, por uma história de amor tão linda como a nossa tem sido apesar de todas as dificuldades. Bem hajam todas almas puras que aqui vêm deixando em ti, (em nós), o calor da compreensão e da esperança. Bem hajas tu também meu Anjo pelos Mundos de harmonia e beleza que a tua presença e o teu Amor me fizeram acreditar como possíveis e vindouros...
Até já meu Amor...

Anónimo disse...

Vivem um no outro... e vivam esse amor lindo enquanto for possível... vivam tudo a que têm direito porque tem esse direito... porque se amam verdadeiramente e isso dá-vos esse direito...
Sejam muito felizes... com o coração a comandar...
Eu também já o fui mas depois começei a ouvir a cabeça e...

Bjinho aos dois
Lagrimatua

Verdinha disse...

naquele livro do "so o amor é real" ha la uma parte que diz k as vezes encontramos a nossa alma gemea ja depois d termos construido uma familia c outra pessoa.. tenho certeza k foi isso que vos aconteceu. mas segundo o livro temos mts vidas p estarmos c a alma gemea, talvez voces tenham tado juntos em tds, talvez estejam juntos p sempre..

bjoo

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Paula, o amor não pede licença para invadir o nosso coração... Não temos culpa de amar quem de alguma forma, está preso a outro compromisso... Mas, temos obrigação para conosco e quem amamos, de não fazer desse amor, uma iterna angústia!!!
Amar é o sentimento mais lindo ao cimo da terra, mas vive-o sem culpas nem remorsos...
Simplesmente vive!!!
Uma boa semana e muitos beijinhos,
Fernandinha

Secreta disse...

O Amor nem sempre é um sentimento fácil. Por vezes, quando nos sentimos sem forças, desejamos não amar , para tentar travar um pouco o sofrimento...
Tudo o que posso/devo dizer-te é , que não te culpes por amar. Porque esse é o sentimento mais bonito que podemos ter.
Beijito.

O Profeta disse...

Um texto lindissimo a ilustrar os teus mais profundos anseios...


Doce beijo

brisa de palavras disse...

Ainda acredito num grande amor...vive o teu.
um abraço
brisa de palvras

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Paula, recebe muitos beijinhos de carinho...
Fernandinha

Anónimo disse...

Olá,
Acho-te um doce de pessoa.
Gostei do blog. Expressas bem as tuas angústias e esperanças.
Gostaria de te dizer que acho que o teu sentimento é muito forte. Mas também acho que tens que ser um pouquinho egoista e pensar um pouquinho em ti. Na tua escrita estás sempre arrranjar desculpas para o teu par. E tu!! És feliz, acho que não és...acho que és feliz quando estas com ele.
O feriado estarás com ele! As tuas férias estarás com ele! Teu aniversário, ou o dele estarás com ele, ou, vice versa! Os fins de semana! O Natal...a passagem de ano...És feliz!!! o que ele faz para estar contigo!!!lindas palavras, gestos...e onde está os actos...Vais passar mais uns anos entre a alegria e a depressão...Lamento dizer-te isto...acho que mereces ser feliz, nem que seja apenas tomar um café sem teres medo que a mulher dele aparece, ou, qualquer outro tipo de inconveniente...
Falo-te porque tive uma situação idêntica.
bjs

Angel disse...

Boa Noite Paula..sabes que li e já reli..e como te entendo...e reconheci só agora..que já falamos sobre isso num outro blog que tinhas a minha opinião continua a mesma..e acho lindo o amor que entregas..e por mais dificil que seja ultrapassar a ausência da pessoa..acredito que o vosso Amor ultrapasse as chamadas barreiras da moralidade..porque mereces.."Nem que seja só em nome do Amor"...um grande beijinho muito doce para ti..e sabes ao ler-te dás-me um bocado mais de coragem para não desistir..de um Amor maior..=)

Manuela disse...

Paula, já te li algumas vezes, já te falei de mim...
Nunca te apontaria o dedo, nunca!
O teu amor, que tu sentes e o conforto das palavras que nos escreves não precisam de mais nada.
Que sejas sempre feliz, eu não consegui ser...

Obrigada pelas Tuas Palavras tão honesta, não é qualquer pessoa que as escreve assim...

Um beijo

Paula disse...

"Estarei eu a destruir alguém ao permitir-me amar-te ?"

Pois...às vezes o amor constroi-se em cima do sofrimento de outro ser humano... a questão é... se vale a pena...

Mas... o amor vale sempre a pena!
(obrigada pela troca de palavras no msn)

Abraço

O Profeta disse...

Porque sonhas com o outro lado
Enches o vazio da eterna espera
Amas quem não podes ter
Pintas de realidade a quimera


A liberdade do pensamento vive entre dois mundos…


Convido-te a conhece-la…


Boa semana


Mágico beijo

Sophie disse...

Olha, escrevo para ti. Para que entendas que entendo todas as impossibilidades. Para que saibas que, sinto que a tua vida está a passar alguns anos ao lado da minha. E no entanto, neste ponto do destino que ninguém sabe quanto tempo durará, que espaço irá ocupar, a tua vida cruza-se na minha, ou é a minha que se cruza na tua... Olha, escrevo para ti. Porque tenho a certeza absoluta que existem milhares de palavras que te poderia dizer. E algumas, poucas, que nunca saberei como as dizer. E serão essas as que pressentes em todas as coisas que escrevo. Há algo de fundamental em ti. Há uma essência que em si encerra uma força e uma beleza impressionantes. Creio que foi isso que vi... E, depois claro sentaram-se ao meu lado coisas como a distância, e eu volto-me para dentro, para onde os fogos ardem, para insuflar mais ainda este incêndio. Falo-te. Falo-te de escrever. Falo ao mundo que existem regras simples de Beleza e de Pureza que tornariam um local infinitamente melhor. Mas sou egoísta. E, por isso, quando olho para dentro de mim, procuro apenas a tua face, que existe, e de uma forma que não sei explicar... me completa e me diz muito mais do que tudo o que o mundo traz. Cumplicidade pressentida. E no fundo, e no fim, a consciência de que talvez um dia, te possa tocar levemente os lábios e nesse toque compreendas que não existe, de facto, coisa alguma impossível. Muito menos o amor. Ou a dança de almas unindo linhas que seguem paralelas.

Amiga, tenho-te lido com muita atenção e acredita que te entendo na íntegra.
Não sei se desisti, acho que ainda não... aliás, o texto que escrevi em cima, é a prova de que ainda acredito, ainda acredito no amor.
Sei que vais entender este texto, sei que te vais rever nele, só quem vive uma situação destas, consegue entender.
Este texto, foi escrito para a pessoa por quem eu ainda espero... há muito tempo...
Um beijo meu, amiga.

Reticências disse...

Há Amores que não são nada fáceis...

Concordo com a Azul ,
vive esse amor da melhor forma possível... um dia de cada vez...

LovelyGata disse...

E viva o Amor!
Não há que julgar, há apenas que aceitar e aproveitar todos os bons momentos que possam passar juntos. A vida é demasiado curta e deve ser vivida em toda a sua plenitude.

Aproveitem ;o)

por uma lágrima disse...

Apenas e só...
Deixo-te um sorriso de esperança,
Uma lágrima de ternura,
Um forte abraço de admiração.

Vale a pena viver um amor assim

Beijo doce duma lágrima salgada

Angel disse...

Passei só para te deixar um beijinho com muitos Sonhos...e dizer-te que já sinto falta das tuas palavras..=)Boa Noite...

Xinha disse...

Oá, Paula!

Tenho lido alguns post, mas nunca tinha comentado.

Identifico-me com o que escreves, até porque até ha sensivelmente 1 mês atras, vivi uma vida de 16 anos... na mesma situação!

Hoje não estamos juntos, porque o nosso amor se desvaneuceu no tempo ... a nossa união foi sempre adiada em prol de bens maiores...

Não me arrependo.
Mas, sofre-se muito.

Mesmo ausente, longe, distante.. ele estava sempre em mim. Cada segundo era testemunhado por mim...

Eu entendo-a tão bem...
E desejo-lhe toda a sorte do mundo, para que esse vosso amor saia triunfante.

Deixo-lhe aqui uma bocadinho da minha força e coragem !

"Ser profundamente amado por alguém dá-nos força. Amar alguém profundamente dá-nos coragem!”
(Lao-Tsé)

Xi-coração